ENTRE A LOUCURA E A EMPATIA

QUARTA-FEIRA, 30 DE MARÇO DE 2022


Existem sensações e situações que nos confundem, quem nunca passou por algum evento onde ficou refletindo se aquilo era real, se tinha sido sonho ou uma fantasia?



O céu de hoje manifesta o encontro da Lua, Júpiter e Netuno em Peixes.

A Lua, como já dito aqui, passa ativando aspectos já existentes e que possuem um período de maior duração.

Atualmente, temos a conjunção de Júpiter e Netuno em Peixes, encontro planetário que marcou, inclusive, o ingresso do Sol em Áries. E que irá reverberar durante todo o ciclo.

Tanto Júpiter, como Netuno conseguem se manifestar de maneira muito confortável em Peixes, por regerem esse signo, logo, o que esperamos é a procura e interesse maior pelo místico, pela espiritualidade, por conexões que sejam além da matéria, empatia, mas também, doses de loucura, fanatismo, enganos, confusões, fugas por meio de vícios e mundos paralelos que criamos para amortecer a realidade que se mostra dura.

Ontem, refleti sobre essa posição quando estava no trânsito, indo buscar meu filho na escola, acredito que foi a primeira vez que me conectei com a busca do escapismo pisciano de maneira consciente, se isso for possível.

A vontade era sumir, sair da cidade grande, deixar toda essa loucura, essa agressividade, impaciência e muita falta de educação, diga-se de passagem, que exala pelos ares paulistanos.

Mas, bem sei, que independente do lugar que possamos buscar, a loucura daqueles que estão sempre impacientes e desalinhados com as suas próprias vidas, estará ali vez ou outra nos atravessando.

Portanto, para o céu de hoje, vale a atenção com a própria essência, refletindo sobre as próprias loucuras e escapismos.

Perceber o quanto a sua empatia vem sendo tomada pelo egoísmo, refletir sobre o que de bom você propaga ao conversar com alguém, cuidar do seu maior templo, o corpo, alma e espírito.

Opte por um dia mais leve, ore, reze, cante, agradeça pela saúde, pela vida, pela família e se mantenha firme nas atividades do dia.

Dia de alta conexão espiritual, de relembrar o otimismo que movimenta a vida e a esperança de dias melhores.


Bruna Barella