FINITUDE

TERÇA-FEIRA, 02 DE NOVEMBRO DE 2021

Idas e Vindas.

Mercúrio foi, voltou e agora seguindo seu rumo direto reencontra Plutão em exatidão.

O poder da mente e da palavra. Que atinge massas, grande número de pessoas, que manipula pelo que diz, e que pode ficar obsessivo com o que pensa.

Somos e estamos conectados pela nossa rede de pensamentos.

Mercúrio, é Hermes, que encaminha para Hades (Plutão), aqueles que vão ao submundo.

Plutão nos envolve em temas do inconsciente e tabus.

Vejo esse reencontro como algo que é colocado em xeque, porque Plutão também fala do fim e da morte.

Ainda pela manhã a Lua que já ingressou em Libra, encontra Saturno.

Saturno está em seu domicílio aquariano e sente-se muito confortável com essa encontro na balança, visto que ele se exalta em Libra.

Isso nos ajuda a manter os pés no chão, além de ser extremamente favorável para conduzir temas emocionais de maneira mais prática.


O dia tem uma tônica mais fria e calculista.

Não espere tratativas floridas, visto que esse encontro da um sentido formal para as situações.

Hoje no Brasil, é o dia de finados.

Dia que conduzimos nossas preces e intenções para aqueles que já não se encontram mais nesse plano.

Um dia que refletimos sobre a finitude.

Acho interessante termos Saturno e Plutão presentes nesse dia.

Visto que Saturno nos fala do limite e rege os cemitérios, enquanto Plutão, simboliza a morte, fim e conclusão.

Enquanto a Lua, caminha para sua total escuridão, antes de ingressar na fase nova.

“Planejar para o futuro é como ir pescar em um rio seco; Nada nunca funciona como você quer, então desista de todos os seus esquemas e ambições. Se você tem que pensar em algo, faça dela a incerteza da hora da sua morte. “ - livro tibetano dos mortos


Leitura feita por Bruna Barella e Guilherme Schultz