LUA CHEIA EM LEÃO

QUINTA-FEIRA, 28 DE JANEIRO DE 2021




A Lua está no ápice do seu brilho, papel principal no palco e com pitadas de dramas leoninos, com o ingresso na fase cheia, fase de transbordamentos, nervos à flor da pele e colheitas. Sim, colheitas, mesmo em um dia marcado por aspectos bem desafiadores.


Hoje a Lua faz encontros tensos com Saturno, Urano, Sol (devido a fase cheia), Júpiter e Marte, ufa! Dia movimentado, com jogos de forças, tons de melancolia, limitações, desentendimento entre o querer e sentir, surpresas, reviravoltas, testes de adaptações, excessos e rompantes de agressividade e extremo dinamismo, tudo isso somado a energia da fase cheia. Ao encontrar Saturno, essa Lua leonina, se vê com a juba cortada, uma vontade de reinar mas com obstáculos e testes de resistência, os holofotes estão voltados para nossas emoções. Os questionamentos sobre o eu, sobre qual nosso real papel e sobre nossa autoconfiança.


Além disso temos Vênus, doce mas terrosa, por que se veste da energia capricorniana, encontrando Plutão, o Deus do submundo, o contato com as profundezas, aquele que passa e deixa uma marca de transmutação. Plutão é potente, ele sabe as questões que não dividimos com ninguém, as incertezas que dividimos apenas com nosso espelho, Vênus.

Momento que podemos perceber as relações necessitando de transformações.

Esse encontro também é marcado por possíveis jogos de poder, mudanças de valores, obsessão por dinheiro e até mesmo destruição.

Plutão não passa em branco, sempre tem algo que morre ou se transforma, é necessário.



No final da noite, temos o encontro do Sol com Júpiter, e aí, podemos perceber o ponto de esperança, de abundância e de prosperidade.

Em um dia onde nossas emoções estão extremamente desafiadas, nosso coração Sol, é inundando pela fé de Júpiter, onde podemos encontrar nossa força em continuar. A proteção divina no caminhar da lunação capricorniana.

Lembrando que Júpiter também fala de justiça, portanto, a proteção está de mãos dadas com o quanto estamos sendo coerentes e corretos.


A Lua está em Leão, nos questionando o quanto será que deixamos de lado a nossa pureza. Estamos conectados com o que nosso coração pede?


Avaliando o ciclo dos últimos 28 dias, você se sente próspero com os frutos que irá colher?


Que possamos seguir um caminho, que ao olharmos para traz, tenhamos orgulho das nossas escolhas e atitudes, lembrando que quanto maior o holofote, maior a chance da luz nos cegar.


Leitura feita por Guilherme Schultz e Bruna Fernandes