LUA EM ESCORPIÃO

SEGUNDA-FEIRA, 24 DE MAIO DE 2021


Semana de Lua Cheia, Eclipse e Retrogradações no céu. Independente do que cada um desses movimentos possam significar, claramente é uma semana mais agitada.


Começamos a segunda com a Lua na qualidade do elemento água. Durante a madrugada ela ingressou no signo de Escorpião, último signo que ela visita antes de ir para Sagitário e se fazer cheia.




A Lua vai ganhando Luz e em Escorpião ela ilumina dentro.


No período da manhã, podemos acessar o otimismo e esperança, é segunda-feira, o que para muitos de nós representa o começo, seja ele qual for. Começo da semana, da dieta, do exercício, do planejamento, da limpeza, reuniões, orações….com Júpiter sentimos que podemos, é a fé e a expansão.


Mas enquanto a manhã fala do otimismo, a noite apresenta as surpresas inesperadas, limitações e autocobrança. Ser flexível ao ritmo da vida pode nos poupar de angústias. O dia pede por movimentos leves, com a rigidez Saturnina no final do dia, um bom alongamento pode auxiliar no processo de relaxamento. O que trabalhamos no corpo auxilia o processo de flexibilidade da mente.

A conexão com a respiração, nos faz por alguns instantes tomar o fôlego necessário e entender que podemos resolver aquilo que está ao nosso alcance.


Eu fiquei algumas horas hoje, meditando sobre o que compartilharia aqui. Com um céu apontando tantos movimentos e direções.


Uma das coisas que mais tenho aprendido com a Astrologia, é o que sinto naquele dia. O que aquele céu aponta?


E ai captei, que com Lua e Júpiter, se encontrando na qualidade do elemento água, o convite é sentir mesmo. Talvez por isso, eu tenho rodeado em tantos começos para esse texto.


Jaja estaremos na fase cheia, e Escorpião é desapego e renascimento. É tomada de consciência da sombra. O brilho externo pode sempre ser maquiado, filtros das redes sociais estão ai para isso, mas o interno, ahhhhh, esse é desafio.


Quanto você tem alimentado sua luz interna, para que nos momentos de apagão do “mundo”, você possa continuar a jornada?


Eu reflito sobre isso por aqui, e deixo a reflexão para vc ai tbm.


Leitura feita por Bruna Barella e Guilherme Schultz.


Imagem: @visualpoints