LUA NOVA EM CAPRICÓRNIO

QUARTA-FEIRA, 13 DE JANEIRO DE 2021



Lua ingressa na fase nova, com a energia de Capricórnio, iniciando um novo e primeiro ciclo de 2021, que irá reverberar por aproximadamente os próximos 28 dias.

Capricórnio é um signo representado pela Cabra-Montês, que escala os altos dos montes, persistente em seu objetivo de chegada.

É chegado o tempo de escalar a montanha.

A Lua nova é marcada pelo encontro do Sol e da Lua, no mesmo grau, mesmo signo e mesma casa, logo, esse encontro faz com essas duas forças potentes, também chamados de Luminares, marquem o início de um ciclo onde irão percorrer seus caminhos pelo zodíaco.

Entendam que até o terceiro/quarto dia da Lua Nova, não iniciamos exatamente o “plantio”, nós avaliamos quais sementes iremos plantar.

Capricórnio não fala de excesso, fala de trabalho, construção, seriedade e compromisso, regido por Saturno, ele entende a necessidade de limites e respeito ao tempo, e com esse senhor, Sol e Lua marcam um encontro reforçando essas tendências.


Ambos também farão um aspecto harmônico com Netuno, o que nos apresenta um mês de forte abertura sensitiva e bom para trabalhos mediúnicos, inspirações espirituais, expressões artísticas e cura.

Em contrapartida, os dois se encontram Plutão, em uma área exata já visitada a algum tempo atrás. Podendo ativar alguns conteúdos passados.


Marte, planeta que fala de impulso, energia, guerras e tensões tem muitos aspectos marcantes nessa lunação, podendo apresentar possibilidades de incêndios, explosões, acidentes fortes ligados com fogo, tremores sísmicos, erupções vulcânicas, furacões e terremotos.

Trazendo para o nosso cotidiano, devemos ter atenção com acidentes, imprudência no trânsito e brigas.

Ainda envolvendo Marte, ao encontrar Saturno, devemos ter cautela com lesões ósseas ou musculares e podemos ter alguns contratempos com a arcada dentária e coluna.


Meios de comunicação, jornais, mídias, podem apresentar grandes conflitos e polêmicas.

A volta escolar pode apresentar problemas também.

Isso por que temos uma grande concentração de planetas na casa 3, casa que fala do ensino básico e fundamental, comunicações, diálogos, vias, ruas, processos de entregas e recebimento de mercadoria.


Vênus, a pequena benéfica, traz um respiro e ponto de esperança para essa lunação, apontando possibilidade de começos, atualizações na maneira que nos relacionamentos e uma maior atividade nos encontros. Aqui ela lembra que o amor é forma de acalento em dias tensos e difíceis. Sábio quem cultiva e valoriza.

Concluímos o texto de hoje trazendo a reflexão que para uma lunação tão desafiadora o céu apresenta Capricórnio, que persiste e resiste a escassez, invernos pesados e pouco se torna muito.

Que todos entendam essa necessidade e mãos a obra!


Leitura feita por Guilherme Schultz e Bruna Fernandes.


Mapa fornecido pelo site: www.astrologicapp.com