O QUE SOMOS ALÉM DO EGO

04 DE MAIO DE 2021



O primeiro aspecto do dia se dá pelo encontro desafiador de Lua e Vênus. A Lua ainda em Aquário, seguindo em sua minguação e buscando se libertar, e Vênus em Touro, signo que ela faz seu domicílio, que a conecta com os prazeres e conexão com os 5 sentidos.

O aspecto desses dois astros de natureza feminina, abala a estima e nos deixa com sensação de vazios e carência.

Comece o dia com alguma atividade que te agrade, ouvindo uma música que te alegre e reflita sobre a importância da sua autovalorização. Não passaremos todos os dias sorridentes, o fluxo de aceitação de alguns momentos mais frágeis também são necessários, desde que não vire um hábito e que isso não afete nosso brilho interno.


A Lua, após esse encontro, segue quieta, como se estivesse digerindo as emoções apresentadas pelo desafio com Vênus, até se encontrar com Júpiter, onde podemos de maneira positiva vibrar na energia otimista ou se entregar aos excessos tentando suprir o tal do vazio que ficamos remoendo o dia todo.

Porém, sabemos bem, que esse movimento nos causa um pequeno prazer momentâneo e que assuntos profundos e mal trabalhados, hora ou outra aparecem para nos estremecer de novo.


O entendimento do que sente é o aliado desse processo.


E por falar em sentir, nesse ritmo bem emotivo, Peixes entra na jogada, sendo pelos próximos dois dias a qualidade que a Lua irá vestir.


Sim, podemos preparar os lenços! Porque estaremos hipersensíveis e fluindo de maneira intuitiva pelo mar das emoções.

Lua minguante e Peixes é entendimento por meio do silêncio. Momentos de solitude é o que podemos esperar e/ ou aproveitar.

Peixes é a purificação do que está além da matéria.

As reações são de forma sensíveis e compassivas.

A atenção fica com as doses de fantasias e necessidade de escapismo.

Peixes borra a linha de realidade e percepção, portanto, lembre-se de verificar se está dando pé, evitando também, absorver problemas e energias que não são suas.


Passos vagarosos, reflexão do que já passou e claro, purificação da energia. A conexão com expressões artísticas, música, dança, contato com a natureza, incensos e banhos energéticos, são bem vindos em dias de Lua em Peixes, além de avaliar muito bem os locais que irão percorrer por esses dias e pessoas que irão se relacionar.


O texto de hoje finaliza com uma frase retirada do Livro O Conto da Ilha Desconhecida, de Saramago - “É necessário sair da ilha, para vermos a ilha, não nos vemos se não saímos de nós.”

Peixes dissolve o ego, para que possamos perceber, o que somos além dele!


Leitura feita por Guilherme Schultz é Bruna Barella